Patos em Destaque Whats

Câmara Municipal decide pelo prosseguimento da denúncia contra o vereador Marquim das Bananas

Após o recebimento da defesa prévia do denunciado e posterior análise da comissão, os vereadores integrantes emitiram parecer pelo prosseguimento da denúncia

por Weslley Raphael
16/09/2021 - 14h16

Câmara Municipal decide pelo prosseguimento da denúncia contra o vereador Marquim das Bananas Vereador Marquim das Bananas

A Comissão Processante da Câmara Municipal de Patos de Minas, constituída para apurar denúncia protocolada na Casa Legislativa por ex-assessora parlamentar do vereador Marcos Antônio Rodrigues – Marquim das Bananas, a qual alega ter sofrido assédio sexual por parte do referido parlamentar, decide pelo prosseguimento da denúncia, com os depoimentos das partes e oitiva das testemunhas.

Os membros da Comissão Processante, João Batista Gonçalves - Cabo Batista (presidente), José Eustáquio de Faria Junior (Relator) e Mauri Sérgio Rodrigues - Mauri da JL, após o recebimento da defesa prévia do denunciado, realizaram várias reuniões e, após estudos e análises dos documentos, emitiram parecer pelo prosseguimento da denúncia, para melhor elucidação dos fatos.

Dando início à instrução, o vereador/presidente Cabo Batista, designou audiência para colher o depoimento pessoal da denunciante e do denunciado, a qual foi agendada para esta sexta-feira, dia 17 de setembro, às 9 horas, no plenário da Câmara Municipal.

Considerando que os trabalhos estão sendo realizados sob sigilo, a audiência será restrita à participação somente das partes e dos seus procuradores; dos membros da Comissão Processante e dos demais vereadores da Casa; e dos servidores e assessores que estão auxiliando nos trabalhos técnicos. Assim, não será permitida a participação da imprensa durante as audiências. Entretanto, ao final dos trabalhos desta sexta-feira (17/9), a imprensa poderá entrevistar os membros da comissão, caso haja interesse, bem como as partes que desejarem se pronunciar.

É importante deixar claro que cabe à Câmara Municipal apurar somente a conduta administrativa do parlamentar, nos termos do que dispõe o art. 7, inciso III, do Decreto-Lei n.º 201/1967, podendo a Casa Legislativa cassar o mandato de vereador quando proceder de modo incompatível com a dignidade da Câmara ou faltar com o decoro na sua conduta pública. Além disso, é relevante destacar que não cabe à Câmara Municipal investigar, processar e julgar eventuais crimes que possam ter ocorrido, o que deverá ser feito pela Polícia Civil, pelo Ministério Público e pelo Poder Judiciário.

Entenda o caso

A denúncia foi protocolada na Câmara Municipal de Patos de Minas por ex-assessora parlamentar do vereador Marquim das Bananas, a qual acusa o vereador de assédio sexual. A denúncia foi colocada em Plenário para votação dos parlamentares na reunião ordinária do dia 5 de agosto, sendo recebida por unanimidade dos vereadores presentes. Logo em seguida, a Comissão Processante já foi definida por meio de sorteio. O processo de investigação da denúncia segue o rito do Decreto-Lei nº 201/1967.

A partir do recebimento da defesa prévia do denunciado, os membros da comissão poderiam arquivar ou dar prosseguimento à denúncia. Todavia, após estudos e análise da defesa prévia do parlamentar Marquim das Bananas, a comissão decidiu pelo prosseguimento da denúncia e, assim, iniciará nesta sexta-feira (17/9) os atos, diligências e audiências que se fizerem necessários para o depoimento das partes e inquirição das testemunhas.

Ao final dos trabalhos, a comissão deverá emitir parecer conclusivo pela procedência ou improcedência da acusação e solicitar ao presidente da Casa que convoque sessão para julgamento em Plenário, sendo necessária a maioria qualificada de 2/3 para a eventual cassação do mandato do vereador acusado. Todo o processo deverá ser concluído no prazo máximo de 90 (noventa) dias, contados da efetiva notificação do acusado.

Receba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Patos em Destaque, clique em NOTÍCIAS. Siga também o Patos em Destaque no TwitterInstagram e Facebook. Envie informações à redação do portal por e-mail: [email protected].

*Permitido compartilhamento e ou cópia desde preservada a fonte  (LEI Nº 9.610/98)

Fonte: : Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Patos de Minas.

OUTRAS NOTÍCIAS